Bandida da Noite e Santinha No Dia

G Gennius

Compositor: G Gennius

Ela não levanta cedo, mas não perde tempo
Ela ganha tempo enquanto se olha no espelho
Por que sabe que vai arrasar onde passar
Onde passar todo mundo vai olhar
Ela poe um salto alto e no cabelo faz chapinha
As outras minas chamam de vadia mas ela anda sozinha

Ela sabe do seu potencial ela usa a mente
Ela com as amigas é um perigo mano sai da frente
Quando junta a mulherada na balada
É só litro caro e champanhe da cara e la vai fumaça
Fumaça sai, fumaça entra, puxa solta
Os manos ficam maluco mas ela não da bola

Dizem que ela é sem coração
Mas que nada ela só vive a vida sem complicação
Ela é do tipo aventureira sem dono
Como diz o ditado: Coleira é pra cachorro
Ela não faz barraco ela é a própria festa
Mano, eu com uma mina dessas, nem presta

Ela é bandida da noite e santinha no dia
Jeito de mulher mas charme de menina
A cara é de santa mas a mente é de vilã
Ela não perde a classe pra qualquer Don Juan

Solteira não quer dizer só
Ela passa o tempo fazendo o que achar melhor
Não sai pra pegar sai pra beber e dançar
A hora que quiser sem ninguém pra atrapalhar
É o estilo de mulher só pros fortes
Tentou prender ela, mano, tchau e boa sorte
Vai na fé por que ela não é menina e sim mulher
Você deve agradar ela não ela fazer o que você quer

Não tem paciência pra mané
Que pensa por que tem dinheiro ela vai beija o seu pé
Otário mina assim não se prende, se solta
Deixa ir que ela volta
Ela valoriza quem valoriza o que ela tem
Não só a embalagem o conteúdo também

Por que ela é uma mina completa da cabeça aos pés
Tem capacidade pra ser o que quer
A bandida ou a santinha diferente
Que não fala da boca pra fora
Só faz entre 4 paredes

©2003- 2018 lyrics.com.br · Aviso Legal · Política de Privacidade · Fale Conosco desenvolvido por Studio Sol Comunicação Digital